Personalize sua Coca-Cola!

Ação coloca assediadores passando cantadas nas próprias mães

Se podemos dizer que hoje a mulher no ocidente é tratada com muito mais respeito do que em países do oriente, mas mesmo assim, a igualdade está longe de ser atingida.

Além da desigualdade entre gêneros, um dos problemas que as mulheres enfrentam no dia a dia é o assédio quando está nas ruas. Esse tipo de violência acontece diariamente em diversos países e vem ganhando cada vez mais espaço na mídia, graças a ações como o Chega de Fiu-Fiu aqui no Brasil e iniciativas diversas, como o vídeo de meses atrás onde uma garota caminha pelas ruas dos Estados Unidos recebendo cantadas por todos os lados.

No Peru mais de 10 milhões de mulheres peruanas já foram vítimas desse tipo de agressão.

E para atacar esse número, uma grande marca esportiva que já havia feito uma ação em prol das mulheres no ano passado, se uniu com o projeto Paremos el Acoso Callejero e trouxe Natalia Málaga – ex-jogadora de volei e uma das peruanas mais respeitadas do país – escolheu alguns assediadores de rua e criou uma situação onde a assédio será cometido com a própria mãe de cada um deles.

O mais impressionante é ver as desculpas e justificativas dos agressores após serem confrontados pelas mulheres mais importantes das vidas deles. Coisas como “é só um jogo”, “um código” e mesmo “não disse nada”.

Habilite as legendas e assista a ação batizada de Sílbale a tu Madre [Assobie para sua Mãe]:

Fonte: SoyChile

Comente

tags:

©2012-2019 - Eu te amo Hoje - Todos os direitos reservados.
Todas as imagens de filmes, séries e etc. são de marcas registradas dos seus respectivos donos.