Existe algo mais importante que o amor?

No ano passado, tive a oportunidade de conhecer Patch Adams em uma palestra, durante sua passagem em São Paulo. Das muitas coisas que aprendi naquele dia, uma de suas perguntas me fez pensar especialmente. O auditório estava lotado e ele perguntou:

“Tem aqui alguém que acredita existir alguma coisa mais importante no mundo que o amor?”

palestra Patch Adams

Claro que ninguém se manifestou e, continuando, o médico-palhaço falou que em décadas de palestras pelo mundo, essa foi a mesma resposta em todos os lugares em que perguntou: não existe nada mais importante que o amor.

Por que então damos tão pouco valor ao amor?

Se você discorda do fato de darmos pouco valor, pense em sua educação. Em quantas horas em sua escola ou colégio, você aprendeu sobre o amor? Quantos jornais se dedicam a distribuir o amor e boas novas em suas manchetes? Quantas edições de revistas semanais vieram com matéria de capa sobre o amor? Qual o tempo da programação diária da TV é dedicado a esse sentimento? Quantas horas do seu dia você dedica ao amor?

Mesmo sendo tão fundamental ao ponto de ninguém se lembrar de algo mais importante, muitas vezes estamos mais dedicados a nossos estudos, carreiras e em ganhar dinheiro do que passar um tempo com nossos pais ou repassar um pouquinho do que sabemos para aquelas crianças que não tem condição e vivem logo ali, em sua esquina.

Transformamos demonstrações de amor em presentes, quando na verdade às vezes tudo que o outro quer é um pouquinho da nossa presença e afeto.

Demonstramos amor pelas redes sociais,  tagueamos #love e #amoreterno em nossas fotos, mas esquecemos de dizer isso quando estamos presentes. Deixamos de dizer eu te amo ao vivo para dizer pela internet.

Vamos lembrar de levar sempre o amor em nossas vidas. Não apenas o romântico, mas o amor por nossos familiares, amigos e mesmo pelos desconhecidos. Estamos todos juntos aqui, todos de passagem, e a vida é mais fácil para quem ama e para quem recebe amor.

Tire um tempinho para pensar nisso. Patch Adams acendeu essa chama em mim, mas poderia ter sido os Beatles, o poeta Gentileza, Gandhi, Chico Xavier, Renato Russo, Fernando Pessoa, a Bíblia ou mesmo algum pichador dizendo que o amor é importante…

Como você tem tratado o amor ultimamente?

===================================

Para fechar, coloco uma foto divertida tirada ao final da palestra com Hunter Doherty, o Patch Adams. 🙂

Patch Adams com dedo no nariz

Comente

tags:

©2012-2017 - Eu te amo Hoje - Todos os direitos reservados.
Todas as imagens de filmes, séries e etc. são de marcas registradas dos seus respectivos donos.