Personalize sua Coca-Cola!

21 Filmes que nem todo mundo disse que você precisa ver em 2015

Tenho que confessar que já fiquei cansado da quantidade de posts com os 10, os 15 ou os 20 filmes que terei que ver em 2015 normalmente encabeçados pelos mesmos blockbusters.

Claro que todo mundo quer ser o primeiro na fila nas sessões de Vingadores 2, Jurassic World, Star Wars e de Pan, mas 2015 é um ano com muitas produções menores que poderão marcar muita gente com suas histórias.

Tentamos escolher algumas delas. Lá vai a nossa lista:

Livre

Baseado no livro de Cheryl Strayed, a oscarizada Reese Witherspoon interpreta a autora que depois de anos de loucura decide trilhar sozinha os 4.200 quilômetros da fronteira do México ao Canadá, em busca de auto-conhecimento e como forma de expurgar seu passado. Estreia nessa semana.

Grandes Olhos

Passei toda minha adolescência vendo e revendo os trabalhos de Tim Burton até que a fase Fábrica de Chocolates / Sweeney / Alice / Sombras chegou e fez com que passasse a conferir seus trabalhos com muito – MUITO – medo. Me empolguei com o trailer de Grandes Olhos – grande parte por parecer um filme mais humano e menos “Burton” – então espero sair do cinema satisfeito. Estreia nesse mês.

Cássia Eller

Estive em um show de Cássia Eller. Ela errou três vezes sua música de trabalho, Segundo Sol, e disse que não daria pra cantar aquela naquele dia. Achei a atitude totalmente rock and roll e passei a admirá-la mais. A morte de Cássia chocou o país na época e me fez abrir os olhos sobre a legalização das drogas. Não tenho dúvidas que tenho que assistir a esse documentário, sobre essa cantora, mulher e mãe que expôs sua vida pessoal e deixou um belo legado social e artístico.

Birdman [ou A Inesperada Virtude da Ignorância]

Classificado por alguns como o filme do ano, esse filme que ganhou esse título complexo em português, traz a história de um ator que fez muito sucesso no papel do super-herói Birdman e que, após recusar viver o papel no cinema, vê sua carreira decair. É quando decide escrever, dirigir e atuar em uma adaptação de um texto consagrado para a Broadway. Filme de Iñárritu [de Babel e 21 Gramas] com Michael Keaton, Emma Stone, Edward Norton e Naomi Watts.

5o Tons de Cinza

Se tem um livro que mexeu com muita gente foi esse do início da trilogia do bilionário Christian Grey. E o filme deve mexer com muito mais gente.

Para Sempre Alice

Julianne Moore tem duas estreias para o dia 26 de fevereiro. Na primeira, vive uma renomada professora diagnosticada com Alzheimer. A doença cria novas situações para a família, como um distanciamento de seu marido e união com sua filha. Sabendo a gravidade da doença e imaginando a terrível luta de quem convive com pessoas queridas que sofrem desse mal, fiquei completamente arrepiado com o trailer.

Mapa para as Estrelas

Agatha chega a Los Angeles e conhece Jerome Fontana, um jovem motorista de limusine que sonha se tornar ator. Eles começam a sair juntos e flertar um com o outro, por mais que Agatha mantenha segredo sobre seu passado. Não demora muito para que ela comece a trabalhar para Havana [Julianne Moore], uma atriz decadente que está desesperada para conseguir o papel principal da refilmagem de um sucesso estrelado por sua mãe, décadas atrás. Um filme assinado por David Cronenberg que promete.

A Little Chaos

Um filme sobre o projeto dos belíssimos jardins de Versailles já seria interessante, agora adicione a isso Alan Rickman como o Rei Luis XIV e Kate Winslet como uma paisagista que cai de amores pelo arquiteto responsável pela empreitada. Filmão na certa.

A História da Eternidade

Depois de ser exibido em festivais internacionais, chegou a hora desse filme, que conta três histórias de um pequeno vilarejo no sertão, estrear por aqui. Singelo e bonito.

Dívida de Honra

Um criminoso condenado à morte é salvo por Mary Bee Cuddy [Hilary Swank], uma mulher forte e independente, responsável pela viagem de 3 mulheres loucas do Nebraska ao Iowa. E assim, Tommy Lee Jones tem uma dívida que o levará a enfrentar junto com as mulheres os perigos do velho oeste.

O Amor é Estranho

Ben e George formam um casal que vive junto há 4o anos e que decide oficializar a união. O problema é que esse casamento gay leva George a perder o emprego. Sem dinheiro, os dois são obrigados a viver separadamente com outras pessoas até que consigam vender sua casa. O filme, que foi selecionado para os maiores festivais do mundo como Berlim, Sundance, Tribeca e Los Angeles estreia por aqui no dia 12 de março.

Cake – Uma Razão para Viver

Jennifer Aniston interpreta uma mulher depressiva e cheia de traumas que busca conforto em um grupo de ajuda. Lá, conhece a história de uma suicida, Nina, fica obcecada por sua vida e começa a se envolver com o viúvo.

As Maravilhas

Segundo colocado em Cannes, esse filme italiano traz componentes auto-biográficos da diretora Alice Rohrwacher e conta a história de Gelsomina, uma jovem que vive com sua família de apicultores na região da Toscana, cercada por natureza. As belas paisagens, a bela língua, a música de Ambra Anglioni e, claro, Monica Belluci, são ótimos motivos para conferir.

Ponte Aérea

Um filme nacional que discute a dificuldade dos jovens em criar laços e enfrentar a vida adulta. Caio Blat e Leticia Colin se conhecem em um vôo que devido a uma tempestade faz um pouso de emergência em Belo Horizonte onde seus passageiros passarão a noite. Estreia em 26 de março.

A Incrível História de Adaline

Adaline nasceu na virada do século XX e tinha uma vida normal até sofrer um grave acidente de carro. Desde então, ela não consegue mais envelhecer, se tornando um ser imortal com a aparência de 29 anos. Em sua existência solitária, nunca se permitiu criar laços com ninguém, até que conhece o jovem Ellis Jones, um homem por quem pode valer a pena arriscar sua imortalidade. Com Harrison Ford e Blake Lively.

Casa Grande

Um casal da alta burguesia carioca à beira da falência, tenta esconder seus problemas financeiros e corta despesas. O que faz com que o filho, que nunca teve qualquer preocupação, conheça e enfrente a realidade pela primeira vez. Filme de Felipe Barbosa elogiado pela crítica em festivais internacionais.

Cidades de Papel

Responsável pelo livro que deu origem ao filme com maior número de lágrimas por sessão, John Green terá outro de seus livros transportados para a telona: Dessa vez o escolhido é Cidades de Papel, o livro que conta a história da paixão platônica de Quentin e sua busca para encontrar Margo. Parte dos responsáveis pela adaptação de A Culpa é das Estrelas retornam para garantir outro sucesso de público. E alguém duvida?

Os Minions

Espera aí! Esse é um blockbuster! Pois é… e não poderia ficar de fora dessa lista.

The Jungle Book

A adaptação live-action mais esperada de Mogli, um jovem indiano criado por lobos e amigo de urso, vem pelas mãos de Jon Favreau [diretor de Homem de Ferro e Chef]. Poucas imagens foram divulgadas dessa produção que contará com Scarlett Johansson, Ben Kingsley, Bill Murray e Lupita Nyong’o e estreia em outubro.

Minha Fama de Mau

Se 2014 foi o ano de Tim Maia nos cinemas, 2015 será o ano de Erasmos Carlos. O filme, baseado no livro de mesmo nome, tem estreia para outubro e mostra a luta do maior parceiro de Roberto Carlos para sobreviver enquanto alimenta a paixão pelo Rock and Roll.

Peanuts

Outro “blockbuster” para fechar essa lista, afinal não tem como deixar de fora essa produção depois de passar uma vida consumindo as tirinhas e desenhos animados de Schulz. Como animador, preciso dizer que a delicadeza com que o 3D foi trabalhado, me encanta mais a cada vez que vejo os trailers.

E aí? Qual seu filme imperdível para 2015?

Comente

tags:

©2012-2019 - Eu te amo Hoje - Todos os direitos reservados.
Todas as imagens de filmes, séries e etc. são de marcas registradas dos seus respectivos donos.