Personalize sua Coca-Cola!

6 coisas para fazer durante os 20 e poucos anos

“Nem por você, nem por ninguém eu me desfaço dos meus planos”, cantava Fábio Jr. quase vinte e poucos anos atrás. Depois dele, Raimundos, Fiuk e recentemente o cantor Filipe Catto gravaram a canção que é uma ode aos próprios desejos.

É comum que aos 10 a gente se imagine aos 18: carteira de motorista, liberdade, faculdade e tudo mais. Aos 15 os 20 e poucos parecem tão distantes. Uh!

Um belo dia você chega do aniversário da sua melhor amiga, toma um banho na marra, tira a maquiagem e cai na cama. E acorda com 21, 22, 23… 27!

Como diriam nossos avós, passa muito rápido. Se passa!

E é justamente por passar cada vez mais rápido que não cabe seguir qualquer receita. Os 20 e poucos do tio Fábio certamente não foram iguais aos 20 e poucos do menino Fiuk.

A parte boa de curtir 20 e poucos anos no século XXI é que a idade não nos limita. Hoje em dia você pode casar de véu e grinalda aos 50, se formar em medicina aos 60, começar a correr aos 70 e sabe-se lá que vontades a vida vai te apresentar aos 80.

Na falta de receitas, ficam sugestões. Assim, de graça. Porque mesmo que você possa – e pode! – o que quiser na idade que bem entender, há coisas que tem um gostinho especial aos 20 e poucos.

1 – FAÇA UM CURSO DE GRADUAÇÃO

Ah! A faculdade. Você vai ficar dividido entre o curso dos seus sonhos e o curso dos sonhos dos seus pais. Vai pesquisar o mercado de trabalho e descobrir que a coisa tá feia pra Publicidade. Consultará mensalidades e descobrirá que ganhar dinheiro custa muito dinheiro. Buscará o número de candidatos por vaga na Federal e se arrependerá amargamente de não ter prestado atenção nas aulas de Química.

Ninguém disse que é fácil. Não é fácil! Muitas vezes a faculdade não é como a gente espera e há tempos o diploma deixou de ser garantia de sucesso, mas faça! Junte seus gostos pessoais, suas habilidades, seus desejos para o futuro e bóra pra aula. Depois de 4 anos você terá reunido um bocado de conhecimento, maturidade e histórias para contar.

2 – NAMORE

Com 20 e poucos a gente passa por um bocado de coisas. Quebra a cara aqui, cai ali, levanta acolá. É um período fértil para aprendizados e descobertas. É uma fase cheinha de exigências também: emprego, contas, boletos.

Pelo amor de deus, não se deixe sucumbir pelas responsabilidades. Saia. Espaireça. Dance. Cante. Namore!

Permita-se crescer em todas as perspectivas. Sim, quebrar a cara e o coração fazem parte e estão no pacote.

3 – MANTENHA VELHOS AMIGOS

Você termina o colégio com 16, 17, 18… Aqueles colegas que estão com você há 2, 3, 4 anos escolhem rumos diferentes e pronto, acabou o contato, certo?

Errado! Quanto mais sua vida mudar, mais gostoso será reencontrar essa galera e contar as novidades.

Seus planos podem mudar, suas perspectivas podem ser ampliadas, seus sonhos podem ganhar outros rumos. Sua essência não! Mantenha velhos amigos, em geral eles serão os primeiros a aplaudir seu sucesso e acudir seu tombo.

4 – FAÇA NOVOS AMIGOS

Saia do casulo, borboleta!

Os 20 e poucos trazem um montão de oportunidades. É quando a maioria entra no mercado de trabalho, muda de emprego, colhe uma conquista aqui, um tropeço ali. Permita-se acrescentar gente nova ao seu circulo de amizades.

Tem coisa melhor que reunir velhos e novos amigos?

5 – CUIDE DA SUA SAÚDE

Já ouviu falar que quem planta também colhe? Que tal plantar umas sementinhas de exercício físico e dieta saudável?

Não é papo de tia, juro! A cada ano que passa a lista de promessas de ano novo aumenta e a distância entre seu apartamento e a academia também.

Comece a esteira aos 20 e os 30 serão gratos.

6 – SONHE E PROMETA NUNCA DEIXAR DE SONHAR

“Se você é jovem ainda, amanhã velho será. A menos que o coração sustente a juventude que nunca morrerá”.

Se a turma do Chaves disse, está dito.

Sonhar alimenta novos sonhos, regenera unhas, pele e cabelo e garante sorrisos mais largos.

Feliz 20 e poucos!

Comente

tags:

©2012-2019 - Eu te amo Hoje - Todos os direitos reservados.
Todas as imagens de filmes, séries e etc. são de marcas registradas dos seus respectivos donos.